A raiva do mundo

Singer_Sargent,_John_-_Orestes_Pursued_by_the_Furies_-_1921

A raiva do mundo
é a raiva do mundo
é a raiva do mundo
na distância se ouve algo
é a raiva do mundo

Uma criança pisa em cima de um brinquedo
e chora
é a raiva do mundo

Uma moça rouba 3 pães, 2 maços de cigarro, uma lata de leite moça
e corre
é a raiva do mundo

Um homem compra uma passagem sem volta para Indonésia
e traga
é a raiva do mundo

Dois gatos quaisquer transam em frente da janela
e gritam
é a raiva do mundo

Aquela estátua ali do cavalo com a consciência pesada
é a raiva do mundo

O jornal jogado no chão e os cacos de vidro
é a raiva do mundo

E o ralo
os buracos
furacões
corações parados
sem saldos e vazios
água de borracha
fumaça
açúcar de plástico
garganta entupida
com Deus sabe o que
mais um abraço de chumbo
escorrendo para abaixo
encontro cancelado
com o cafeteiro do lado
mais a cinza dentro da barriga

E eu, sujo, queimado e desarmado, minto para o chefe
e durmo
é a raiva do mundo

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s